OS MÚSICOS

Companhia Bengala - SITE OFICIAL     



  João Bengala (Composição, Guitarras, Voz)





 Estudou guitarra clássica com Piñeiro Nagy, composição com Margarida Santos e Voz com Rui de Luna.Fez workshops em técnicas de composição do séc. XX com Cristopher Bochman e Iannis Xenakis, entre outros.
 Leccionou em diversas instituições culturais, das quais se destacam o Liceu Francês (Educação Musical) e o Grupo Cultural da Rádio Marconi (Guitarra).

 Deu numerosos espectáculos por todo o país em nome próprio e integrado em vários grupos musicais. Formou em 1996 a Companhia Bengala. Em 1997 gravou com João Braga.Em 1998 concebeu Mar Português, que daria origem ao CD homónimo, gravado pela Companhia Bengala. Em 1999 musicou a peça de teatro “Lisboa Fala e Fá-lo”, com textos de Fina D'Armada e Alice Vieira e encenação de Fernanda Lapa, bem como o espectáculo “Diversos Pessoas”. Em 2001 concebeu, dirigiu e produziu o espectáculo de homenagem a Carlos Paredes  “Seis Cantos da Cidade” encomendado pela EBHAL.

 Actualmente, além deste projecto integra o Trio de Luísa Amaro bem como o espectáculo "Devaneios Flutuantes".      





  Genoveva Faísca (Voz)  





 Estudou voz com Maria João Serrão, flauta com Paulo Curado e improvisação com David Gausden. Fez workshops com Carlos Zíngaro, Peter Kowald, Richard Teitelbaum e Carlos Bica.

 Trabalhou, entre outros, com a “Sonora de Lisboa”, Guto Pires, Bana, Fausto, Né Ladeiras e Amélia Muge.
 Participou em vários trabalhos discográficos como solista, de onde se destacam “Cantigas de Amigo” e “Way Out” (New Music From Portugal - ed. Ananana). Deu numerosos concertos, entre os quais: 2os. Encontros da Música Improvisada (org. Carlos Bechegas) e na Expo 98.
 Em 2002 foi distiguida pelo Festival das Quatro Cidades como Voz Revelação quando aí foi apresentada oficialmente pela Companhia Bengala.

 Desenvolve na CERCICA um trabalho na área da expressão dramática explorando as potencialidades vocais dos formandos, bem como uma actividade paralela na área do Teatro.

 Participa actualmente na gravação do 2º trabalho em CD da Companhia Bengala.


























  João Vaz  (Saxofone)  





 Iniciou a sua formação musical no Rio de Janeiro, estudando piano, flauta e teoria musical no Conservatório Brasileiro de Música e na Escola de Música Villa-Lobos. Com Idriss Boudrioua começou os seus estudos de saxofone, orientados para a improvisação na área do jazz e da música brasileira.

 Em 1991 voltou para Portugal e passou a integrar o quarteto de Gabriel Godói, com quem se apresentou no Hot Clube de Portugal, Centro Cultural de Belém e muitos outros locais. Integrou diversas formações de música africana, com destaque para o grupo Issabary. Apresentou-se com a cantora Vanda Stuart no espectáculo “Vanda Sonora Banda Stuart”. Foi membro da Orquestra de Salsa de Pedro Luís Martínez. Durante a  Expo´98 participou em vários concertos, incluindo os da Companhia Bengala (com a qual gravou o CD Mar Português) e os do Sexteto de Choro de Edu Miranda. Na televisão, integrou  orquestras de vários programas emitidos pela RTP1.

 Actualmente prepara a gravação de um CD instrumental em duo com Gabriel Godói,   para além do 2º CD da Companhia Bengala.




 Joaquim Correia (Baixo Acústico)





 Apesar de se considerar um autodidacta,  consta do seu período de formação a Escola de Jazz do Hot Club de Portugal com Carlos Azevedo e David Gausden e, para citar algumas influências, o seu intenso trabalho com Pedro Mestre.

 Tocou e gravou com, entre outros, Júlio Pereira, Paulo Bragança e Mário Pacheco.
 Produziu vários CDs, entre os quais “Mar Português”.




 Paleka  (Bateria)





 Trabalhou, em 25 anos de percurso, com António Pinho Vargas, Maria João, Carlos Barreto, António Ferro e a cantora Alice O'Day, entre muitos.

 Colaborou com vários artistas, entre os quais Rui Veloso, Rão Kyao e Carlos Mendes.Participou em inúmeros trabalhos discográficos entre os quais Mar Português.

 Tocou durante mais de 20 anos com  Sérgio Godinho e é membro fundador da Companhia Bengala.